Follow Me @bymelissaart

sexta-feira, novembro 30, 2018

Hipertexto


O termo não é incomum: citado pelos internautas como uma conexão entre um conteúdo e outro - podendo se referir desde a uma publicação em sites, redes sociais e impressos à arquivos de mídia como vídeos, fotos, ilustrações, áudios, sem necessariamente conter um "link" - o hipertexto mais do que nunca, faz parte da atual era da comunicação, em que tudo, de certa forma,e está relacionado.

É o chamado universo da "cibercultura", conceito abordado pelo pesquisador Piérre Levy desde o século passado. Em sua obra, "Tecnologia da Inteligência", o autor enumera as 6 principais características do hipertexto, que vai muito mais além do que uma simples "conexão". O princípio da exterioridade é um deles, onde, em resumo, diz que todas as ligações que fazemos ao relacionar um conteúdo a outro vem de influências externas, vivências pessoais, aprendizados. Cada informação nova que recebemos é armazenada em um lugar da nossa mente, e isso acontece a todo mundo quando "consumimos" conteúdo, através da cultura pop - filmes, músicas, eventos - bem como da leitura e estudo.

Como jornalistas, então produtores de conteúdo, temos uma responsabilidade ao criar essas conexões, multiplicando saberes, gerando empatia e, principalmente, aumentando a área de alcance do conteúdo produzido. Um texto multimídia bem feito pode levar o leitor a navegar e explorar o conteúdo de diversas maneiras, mas sempre retornando à fonte principal, sem se perder no caminho. Mais do que multi-janelas em tela bidimensional, permite criar diversos planos em nossa própria mente / imaginário, nos transportando para diferentes dimensões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário